iParaiba

Economia/consumidor pessoense

Preço do feijão apresenta variação de até 75,2% nos supermercados

Publicado em 07/05/2010, às 12h11
Tamanho do texto: A A A

O consumidor pessoense está gastando mais na compra do feijão. Pesquisa do Procon municipal divulgada nesta sexta-feira (7) revela que o quilo do produto é encontrado por até R$ 6,99. Em abril, o maior valor para o quilo do feijão nos supermercados da Capital não passava de R$ 3,99. Ou seja, 75,2% mais barato. Na pesquisa desta sexta-feira estão apontados os valores para a compra de 13 produtos que compõem a cesta básica. O fubá tem a maior variação de preços: 142%.

A equipe de fiscais do Procon-JP constatou que o feijão carioquinha é que o apresenta a maior variação 75,6%, com valores entre R$ 3,55 e R$ 6,99. Já o feijão preto tipo 1, tem valores que vão de R$ 2,87 a R$ 4,99, uma variação de 73,9%. O menor valor é encontrado no Hiper Bompreço. Por outro lado, o arroz parbolizado tem valores entre R$ 1,54 e 2,59 em cinco marcas diferentes.

No caso do óleo de cozinha foram pesquisadas quatro marcas. A Soya custa R$ 2,79, enquanto que a mais barata é a marca 'Lisa' que custa R$ 1,97 no supermercado Carrefour. O café moído tem variação de até 28,7% com preços entre R$ 1,98 e R$ 2,69. O macarrão tipo espaguete foi encontrado com preços que variam entre R$ 1,08 a R$ 1,85. O fubá é o item que aparece com maior variação de preços: 142%. O alimento pode ser encontrado por R$ 0,49 e R$ 1,19. Uma diferença de R$ 0,70 o que daria para comprar outro pacote do produto.

O açúcar cristal tem o menor preço de R$ 1,58 e o maior valor R$ 2,29. O leite integral em pó da marca Nestlé tem variação de até 33,5% aparecendo com preços entre R$ 2,09 e R$ 2,79. A farinha de mandioca também tem variação de preços considerável: 69,9%.

A pesquisa completa com as variações de preços de todas as marcas observadas pode ser conferida no site www.joaopessoa.pb.gov.br/procon/pesquisas, ou ainda na sede do órgão na avenida Dom Pedro I, 331, Centro.

Redação iParaíba com Secom/JP

Tags: consumidor pessoense, compra de feijão, pesquisa, procon municipal, supermercados, capital,



» Leia mais notícias de Economia

Ontem

Compras para o Dia dos Pais devem injetar R$ 5,3 bilhões no comércio

Pesquisa feita com mil consumidores, em 70 municípios do país, pela Federação do Comércio do Estado do Rio de ...

Fundos abutres: ministro argentino critica Justiça dos EUA e mediador do caso

O ministro-chefe da Casa Civil da Argentina, Jorge Capitanich, disse hoje (31), em entrevista coletiva, que "h...

Governo descarta ampliar prazo para municípios acabarem com lixões

O governo federal não vai dar mais prazo para que os municípios acabem com os lixões e passem a armazenar os r...

TSE julga amanhã registro de candidatos à Presidência

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) deve julgar amanhã (1º) os pedidos de registro dos candidatos à Presidênci...

Com pensão de R$ 100 mil, Zilu está propensa a pedir aumento da quantia ao ex

Ao que tudo indica, os R$ 100 mil de pensão acordados durante a assinatura do divórcio de Zezé Di Camargo não ...

32 pessoas morreram em assaltos a bancos em todo o país no primeiro semestre

Entre janeiro e junho deste ano, 32 pessoas morreram em assaltos a bancos em todo o país. O número é 6,7% maio...

Sebrae prorroga inscrições para Agente Local de Inovação até o dia 08 de agosto

Foram prorrogadas até o próximo dia 8 de agosto as inscrições para seleção de 50 profissionais de nível superi...

Mostra de artes abre período letivo do Centro Cultural Lourdes Ramalho

O mês do folclore, em Campina Grande, começa com uma vasta programação artístico-cultural, com a realização da...

Cultura lança programa que levará 500 jovens para fazer cursos no exterior

O Ministério da Cultura lançou hoje (31) dois editais para cursos e eventos no exterior, com o objetivo de lev...

Seduc/CG convoca escolas particulares para Censo Escolar 2014

A Secretaria de Educação da Prefeitura de Campina Grande está convocando as escolas da rede privada de educaçã...

Sancionada lei que cria regras para convênios com ONGs

O projeto de lei que cria um novo marco regulatório para as organizações não governamentais (ONGs) foi sancion...

Ney Matogrosso faz 73 anos nesta sexta-feira (01)

Ney Matogrosso nasceu no Pantanal, quase na fronteira com o Paraguai, e talvez não haja uma artista mais genuí...

Expectativa do consumidor subiu 3% em julho, diz pesquisa da CNI

O Índice Nacional de Expectativa do Consumidor (Inec) aumentou 3% em julho na comparação com junho. O Inec alc...

Resultado das contas públicas dificultam atingimento da meta de superávit

Os resultados das contas públicas em maio e em junho tornam mais difícil atingir a meta de superávit primário ...

Israel convoca 16 mil soldados da reserva para reforçar operação militar em Gaza

Israel convocou mais 16 mil soldados da reserva para reforçar a operação militar na Faixa de Gaza. Com o anúnc...

Correios analisam pauta de reivindicações dos trabalhadores

Com data base marcada para amanhã (1º) de agosto, trabalhadores e Correios abriram as negociações para evitar ...

Setor público registra déficit primário pela primeira vez no mês de junho

O setor público consolidado - governos federal, estaduais e municipais e empresas estatais- registrou pelo seg...

Android dispara no mercado de smartphones

O Android nunca esteve tão bem no mercado de dispositivos móveis. Dados divulgados pela Strategy Analytics rev...

Confiança do Comércio tem primeira melhora desde fevereiro

Apesar de registrar a primeira evolução favorável desde fevereiro, o Índice de Confiança do Comércio (Icom) fe...

Vila do Artesão divulga programação de agosto do “Samba na Vila”

A Vila do Artesão trouxe para seu espaço o Projeto “Samba da Vila”, que todos os sábados, sempre às 14 horas, ...

» Leia mais notícias de ontem