iParaiba

/vazamento das provas

UFRN e outras que não aderiram ao Enem não vão ter reajuste de verbas

Publicado em 11/10/2009, às 15h48
Tamanho do texto: A A A

UFRN e outras que não aderiram ao Enem não vão ter reajuste de verbas

Foto: Arquivo

UFRN

Depois do vazamento das provas, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano ficou marcado por transtornos para instituições e estudantes e, em alguns casos, até prejuízo financeiro. Mas também vai deixar um seleto grupo de universidades federais com mais dinheiro em caixa. As 14 instituições de ensino superior que seguiram à risca as determinações do Ministério da Educação (MEC), transformando o exame na principal forma de avaliação, vão embolsar quase R$ 200 milhões a mais do que as demais no ano que vem. Os recursos são para a assistência estudantil e estão previstos na proposta do Orçamento da União encaminhada em agosto pelo governo ao Congresso Nacional. A verba repassada para a área dobrou, atingindo aproximadamente R$ 400 milhões. Os reajustes foram concedidos a todas as universidades e centros tecnológicos. Porém, aquelas que cederam aos apelos do ministro da Educação, Fernando Haddad, conseguiram índices mais altos.

Encravada no sul de Minas, a Universidade Federal de Alfenas (Unifal), que vai usar a nota do exame como fase única para preencher vagas remanescentes, teve um salto de 630% no Orçamento. Passou de R$ 324,2 mil, previstos inicialmente para este ano, para R$ 2,3 milhões - ainda que o valor deste ano tenha sido incrementado mais tarde com crédito adicional e chegado a R$ 765 mil. A instituição tem aproximadamente 3.550 alunos, 32 cursos de graduação e três câmpus %u2014 não há previsão de crescimento da instituição para o próximo ano. Outra instituição mineira que também aderiu ao Enem nos moldes que sugeriu o governo é a Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM), que teve aumento de 497%.

Reajuste superior a 400% parece ser comum nesses casos. No Nordeste, três das quatro universidades que aderiram ao Enem tiveram reajuste acima desse percentual. O maior índice foi nas contas da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), que tem unidades em Juazeiro (BA), Petrolina (PE) e São Raimundo Nonato (PI). O aumento nos cofres foi de 594%. Seguida pela Universidade do Maranhão (UFMA), com 488%, e pela Rural do Semiárido, com 405%. No Sul, a Universidade de Pelotas teve reajuste de 395%. A Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre, de 403%.

UFRN não aderiu
Na outra ponta, instituições que não aderiram ao Exame Nacional do Ensino Médio tiveram reajustes bem menos generosos. O da Universidade de Brasília (UnB), por exemplo, empacou nos 130%. A Universidade Federal de Goiás (UFG) foi pior: apenas 40%. E a do Ceará, 188%. Reitor da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, José Ivonildo do Rêgo não concorda com a política adotada pelo ministério de privilegiar aquelas instituições que adotaram o exame. "Temos uma matriz que leva em consideração o número de alunos carentes de cada universidade e o índice de desenvolvimento humano. Podemos até melhorar esse critério, mas não acho razoável que essas instituições recebam a mais", defende, comentando que ainda tem expectativa de que o ministro reveja a medida.

"Ainda não há como garantir que o número de alunos carentes vai aumentar. Se isso acontecer, aí sim essas instituições podem fazer jus a esse valor", reclama, cobrando critérios mais obejtivos para o repasse da verba da assistência social. De acordo com Ivonildo, a UFRN ainda está estudando como adotar o exame sem prejudicar o modelo já implantado. O reajuste nos valores da assistência estudantil para a instituição foi de 211%.

correiobraziliense

Tags: vazamento das provas, enem, transtornos, instituições e estudantes, prejuízo financeiro, MEC,




Ontem

Usuários já podem avaliar serviços de aeroportos por meio de aplicativo gratuito

Filas, voos atrasados, festas perdidas e muita indignação. A cena é recorrente a cada fim de ano, quando aumen...

Cuba não renunciará a socialismo apesar de aproximação com EUA, diz Raúl Castro

Apesar da retomada das relações diplomáticas com os Estados Unidos, Cuba não renunciará ao socialismo, disse h...

Obama considera ataque virtual à Sony "vandalismo" e não ato de guerra

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, afirmou (21) hoje que o ataque virtual contra a Sony Pictures f...

CMO pode votar amanhã relatórios setoriais do Orçamento de 2015

O ano legislativo está acabando, mas a Comissão Mista de Orçamento (CMO) ainda tem uma última pendência a reso...

Brasil enfrentará primeiro verão com dengue e chikungunya

O verão no Hemisfério Sul começa hoje (21) com um desafio particular para o Brasil. Pela primeira vez na estaç...

Veja as manchetes dos principais jornais do país deste domingo(21)

O Globo Manchete: Lava-Jato já conta com 12 acordos de delação Nomes de cinco investiga...

Perfis do filme "A entrevista" no Twitter e Facebook são desativados

Os perfis no Twitter e no Facebook do filme "A entrevista" estavam desativados na tarde deste sábado (20). A c...

Mega-Sena acumula e próximo prêmio pode pagar R$ 8 milhões

Ninguém acertou as seis dezenas da Mega-Sena no sorteio do concurso nº 1663, realizado na noite deste sábado ...

Novo balanço da OMS indica 7.373 mortos por ebola na África Ocidental

O número de mortos devido à epidemia de ebola na África Ocidental aumentou para 7.373, num total de 19.031 cas...

Coreia do Norte propõe aos EUA investigação conjunta sobre ataque virtual

A Coreia do Norte propôs hoje (20) aos Estados Unidos um inquérito conjunto sobre o ataque virtual em massa co...

Vice-presidente dos EUA comparecerá à posse de Dilma

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, anunciou que o seu vice-presidente, Joe Biden, vai liderar a de...

Mega-Sena sorteia R$ 3 milhões neste sábado

O sorteio do concurso 1.663 da Mega-Sena, que será realizado neste sábado (20), pode pagar R$ 3 milhões para ...

Veja as manchetes dos principais jornais do país deste sábado(20)

Zero Hora Manchete: Com verba, metrô pode ser ampliado Governo federal libera R$ 3,5 bi...

Governo reduz orçamento e aumenta juros do PSI para próximo ano

Conjunto de linhas especiais de crédito do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), o Pro...

STF determina envio da investigação sobre André Vargas para Justiça Federal

O ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou hoje (19) que a parte da investigação...

Conselho aumenta juros de financiamentos do BNDES pela primeira vez em dois anos

Pela primeira vez em dois anos, as empresas que contraírem empréstimos e financiamentos no Banco Nacional de D...

Dnit cria aplicativo para que usuários denunciem problemas em estradas federais

Um aplicativo para smartphones, criado pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), per...

CMN prorroga por um ano renegociação de dívidas de produtores rurais

Os produtores rurais que devem aos fundos constitucionais de Financiamento do Centro-Oeste (FCO), do Norte (FN...

Mais de 5 mil candidatos de nível superior devem fazer nova prova de concurso da PMCG

Os 5,3 mil candidatos de nível superior do concurso da Prefeitura Municipal de Campina Grande voltam a fazer p...

Trabalhadores aprovam nova proposta de ACT e terão reajuste de 12% no piso com retroativo de 6%

Os trabalhadores da Energisa Borborema (EBO) e da Energisa Paraíba (EPB) aprovaram, nesta sexta-feira (19), a ...

» Leia mais notícias de ontem